ONU confirma, poluição das águas mata mais de um milhão de crianças por ano!

divulgação

No dia mundial da Água, ONU publica relatório que confirma um dos maiores problemas ambientais do planeta, a poluição das águas.

A água é a substância mais importante para a vida. Suas características físicas e químicas fazem com que ela esteja presente na constituição de todas as formas vivas existentes, de bactérias microscópicas ao maior animal do planeta, a baleia azul. É considerada o solvente universal e está presente na maioria dos processos bioquímicos dos seres vivos.

A água ocupa cerca de 70% da superfície do planeta, um volume aproximado de 1,4 bilhão de Km3, porém menos de 1% desse valor está disponível para consumo humano. Inclui-se aí a distribuição desigual desse recurso no mundo e temos um sério problema para a humanidade. Não bastassem estes pontos, a população mundial vem poluindo rios e oceanos com o despejo de milhões de toneladas de resíduos sólidos e líquidos por dia, contaminando os ambientes aquáticos, envenenando organismos e espalhando doenças que matam milhões de crianças todo ano.

Segundo relatório produzido pelo Programa do Meio Ambiente das Nações Unidas, a poluição das águas mata mais de 1,8 milhão de crianças com menos de 5 anos, anualmente. Grande parte do problema ocorre em países em desenvolvimento onde cerca de 90% do esgoto gerado são lançados sem tratamentos nos corpos hídricos.

O rejeito do esgoto introduz todo tipo de poluentes nos rios, baías e estuários. A ocupação desordenada das áreas litorâneas intensifica esse processo, principalmente na alta temporada, quando o número de pessoas na região chega a dobrar. O descarte do esgoto doméstico sem tratamento prévio, em efluentes, agrava a situação. A dificuldade de monitoramento e o desconhecimento das medidas corretas pela população tornam o controle uma tarefa difícil.

Com o aumento populacional que o planeta vem observando, com previsões para alcançar 9 bilhões de pessoas até 2050, cada vez mais efluentes de esgotos e poluentes serão lançados no meio aquático. Desta forma, investimentos em infra-estrutura para construção de estações de tratamento de esgoto capazes de devolver a água ao seu ciclo com as características naturais serão imprescindíveis para o futuro.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: